sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Debate na InterTV: Quarto Bloco

O quarto bloco Arnaldo pergunta sobre transporte a Rosinha e ela dá um banho e já futuca o metrô de superfície dizendo o que vai querer saber. Rosinha está cada vez mais segura e Arnaldo mais atrapalhado. Arnaldo faz o discurso de metrô de superfície e volta a assunto lá de traz de Águas do Paraíba (orientado pela sua coordenação) não respondeu o que ela queria saber sobre o metrô. Ela diz ter mandado fazer um levantamento técnico e apresenta os números desmoralizando Arnaldo.O tema agora que Rosinha pergunta é habitação e ela quer saber o projeto de casas populares a seis dias e Arnaldo respira, demora e começa falando sobre a Chatuba.
O som da emissora está ruim. Rosinha diz fazer dez mil casas. Arnaldo diz que espera que não seja como as dez mil obras da propaganda do governo (poderia ter falado que o MP interpelou o casal por propaganda mentirosa das obras) Arnaldo vai perguntar sobre ética na política e fala sobre R$ 1,00 e Rosinha diz que vai ganha no voto e fala se ele acha que eticamente estando com registro impugnado se ele acha que deve participar da política e responde a altura. Rosinha enche a boca e fala meu marido Garotinho e fala da corrupção do governo atual. Arnaldo fala de Álvaro Lins, Alcione e Siverinha que estes não trabalharam em meu governo e que faltou ética com os adversários e atacou Rosinha. Rosinha contesta dizendo que nunca falou da família de Arnaldo e indagou se o telespectador a ouviu falar dele.
Rosinha pergunta sobre o dinheiro dos royalties a Arnaldo e associa a má administração de Arnaldo e Mocaiber. Arnaldo contesta e pela primeira vez falou bem sobre o assunto. Rosinha mais uma vez associa Arnaldo a Mocaiber e chamou Arnaldo de mentiroso. Arnaldo contesta e fala de números e diz que Rosinha não conhece do assunto e ironiza. O bloco chega ao final
Ruan Sousa

Debate na InterTV: Terceiro Bloco

O terceiro bloco é livre e a pergunta é de Rosinha sobre o que ele pretende fazer para o patrimônio histórico da cidade e Arnaldo infelizmente rodou e não respondeu. Rosinha ataca Arnaldo com relação a modificação da praça do Santíssimo Salvador e fala do museu de Campos e fala do que fez. Arnaldo diz que não reformou o museu porque o Estado não deu autorização e pede a Rosinha para não atacar e diz que ela está igual a Garotinho, Arnaldo pergunta a Rosinha quantas obras fez no governo do Estado do Rio, Rosinha diz que fez mais de 10 mil obras, ela e o marido (espera-se que Arnaldo tenha munição para isso, teve interferência do MP).
Rosinha ataca a Arnaldo sobre ele ter falado que ela veio da Lapa e de Itaperuna e pergunta se ele tem preconceito e Arnaldo fala exatamente o que imaginava, mas não explora como podia. Rosinha retruca Arnaldo e pede que fale sobre proposta e diz que não vai falar da vida pessoal dele, e pede que ele fale de propostas. Rosinha ataca Arnaldo e diz que não vai falar dele e nem da esposa e diz da sua ex-esposa.
Rosinha pergunta a Arnaldo sobre esporte e lazer o que ele pretende fazer. Arnaldo elogia e enaltece Ilsan dizendo ser uma grande companheira. Os dois estão disputando sobre o projeto Meninos do Amanhã. Rosinha aproveita e detalha os seus projetos. Arnaldo tem perdido as oportunidades.
Arnaldo pergunta e demora a perguntar enfim pergunta sobre segurança, o que ela fará com a segurança de Campos, deu oportunidade de Rosinha fazer seu discurso e ela dá uma aula e diz que segurança é de responsabilidade do Estado, Rosinha fala e futuca e lembra que ele é deputado e amigo do presidente e do governador e não fez nada até agora. Arnaldo diz que fará um convênio com o Estado sobre segurança e fala de Álvaro Lins que não o trará como secretário, só picuinhas.
Rosinha ataca a amizade de Arnaldo com Lula, Sérgio Cabral e Mocaiber e que nada foi feito. Termina mais um bloco.
Ruan Sousa

Debate na InterTV: Segundo Bloco

Neste segundo bloco Arnaldo da sorte pela pergunta que é sobre corrupção e quer saber como vai proceder e Rosinha diz que as contas dela foi aprovada e que não tem condenação nenhuma e que todos subordinado que for provado ser corrupto deve pagar e acusa Arnaldo de ter sido afastado por corrupção e fala em Alex e diz Arnaldo ter mentido em dizer não ter sido testemunha e o chama de mentiroso. Rosinha partiu para cima de Arnaldo.
Arnaldo fala das Ongs e indisponibilidade dos bens e fala de Álvaro Lins e pergunta o que tem a dizer e Rosinha diz que Garotinho tem mãos limpas e fala que Arnaldo esta mentindo.
Rosinha está agressiva e a pergunta agora é sobre saneamento básico e volta a saber da água de Travessão.
Arnaldo chama Rosinha e o marido de mentirosos e lê números do Governo do Estado e fala da prisão do Secretário de Saúde de Rosinha. Rosinha diz que Arnaldo não respondeu o que perguntou e responde e fala sobre o embargo da ponte.
Arnaldo parece meio perdido, se quiser sobreviver, tem que partir para cima da candidata Rosinha.
Arnaldo tem 30 segundos para perguntar a Rosinha sobre Educação. Arnaldo diz que vai encapar os projetos de Odete e pergunta quais são os projetos de educação de Rosinha (teria como ter batido em Rosinha falando sobre os espancamentos dos professores, não falou). Rosinha explanou sobre seus projetos de educação. Arnaldo na tréplica se atrapalha e fala em ensino profissionalizante e fala sobre o Fundecan e sobre escolas de lata e Rosinha responde lembrando o caos que vive a educação e Arnaldo ficou sem atacar.
Rosinha pergunta sobre funcionalismo público, deu sorte, vai atropelar Arnaldo. Pergunto sobre os problemas com o funcionalismo municipal. Arnaldo rodou e não repsondeu nada da pergunta. Rosinha diz que Arnaldo fugiu do tema que é funcionalismo público, lembrado pelo mediador e fala que só mandaram os pequenininhos embora e falou de seu projetos inclusive sobre planos de cargos e salários. Arnaldo se atrapalha e diz que não demitiria os funcionários e finda o bloco.
Ruan Sousa e Herval Machado

Debate na InterTV: Primeiro Bloco

O debate começa, mediador César Tralli apresenta as regras. O som da emissora não é bom, tem falhas. Os candidatos estão lado a lado. Rosinha por sorteio é a primeira a perguntar. Rosinha comprimento e pergunta a Arnaldo sobre crianças de rua. O som está péssimo. Rosinha na réplica acusa Arnaldo de ter acabado com projetos deixado por ela, mas o som está péssimo. Arnaldo aparenta tensão, bem mais que Rosinha. Arnaldo pergunta a Rosinha o preço da passagem de Campos ao Rio e Rosinha diz ser em torno de R$50,00.
Arnaldo leva a discussão para a passagem ser mais cara do que a de Cachoeira do Itapemirim. O som da transmissão está com problemas precisa de modulação. Rosinha foi firme na resposta.
Rosinha diz que Arnaldo esta copiando a idéia do portal da transparência na internet e pergunta o que ele tem a dizer. Arnaldo divaga sobre o assunto e fala no projeto Navegar é Preciso e Rosinha ataca diz que ele ficou sete anos como prefeito e não fez transparência e fala na impugnação de Arnaldo.
Rosinha começa a atacar e Arnaldo faz cara irônica e da a parecer estar tenso. Arnaldo pergunta a Rosinha pelo saneamento básico na cidade e Rosinha explica claramente as responsabilidades e aproveita para explicar a impugnação do registro de Arnaldo e diz que está no debate em respeito ao eleitor e Arnaldo na tráplica fala em apertar tecla e lê suas anotações. Arnaldo está como um jogador que joga recuado. Rosinha aponta bairros e ruas com esgoto a céu aberto e volta ao assunto de Águas do Paraíba com relação ao distrito de Travessão. E termina assim o primeiro bloco.
Ruan Sousa e Herval Machado

Problemas no áudio atrapalham o debate

O debate da InterTV Planície, até o momento tem pecado e de forma grave com relação ao áudio dos candidatos. Até o momento o mocrofone dos dois ora falham com ruídos, ora ficam praticamente mudos.
Um problema que poderia ter sido solucionado antes do debate, e que atrapalham a compreenção das perguntas e respostas.

O debate da InterTV vai começar

Mais uma vez, iremos cobrir o debate, desta vez o da InterTV e o fazemos de uma forma mais detalhada porque com isso possibilitamos que campistas e não campistas que estão nas plataformas da Petrobrás, como Fernando Soares, pai de Fernando Alves Soares nosso companheiro, acompanham via o blog, pelo fato de não ter por lá o canal local.
A cidade hoje a tarde tomou novos ares face o clima tenso em que todos passamos a conviver. A decisão mesmo já esperada do TRE-RJ tumultuou a convocação de uma reunião extraordinária do TSE para amanhã a tarde, o assassinato de uma moradora de Guarus que trabalhava na campanha, a forma agressiva de abordagem de correligionários de ambos os candidatos, motivos não faltaram.
Os candidatos obedeceram as regras estabelecidas e chegaram antecipadamente na sede da emissora, onde o engarrafamento vem sendo controlado pelo policiamento ostensivo. A novela já acabou e o debate já vai começar.

Inscrições do PSF já ultrapassam a marca de 10 mil inscrições

O Ipdep, instituição responsável pelo processo de seleção do concurso público do Programa de Saúde da Família, prorrogou até o próximo dia 31, as inscrições do concurso. Até agora de acordo com a assessoria de imprensa, já foram confirmadas a participação de aproximadamente 15 mil candidatos, sendo que 90% desses candidatos vão disputar as vagas para o Agente Comunitário de Saúde.
Segundo a assessora de imprensa do IPDEP, Jô Siqueira, tirando as inscrições que foram prorrogadas, o calendário do concurso permanecerá o mesmo.

A expectativa para o debate da InterTV

A legislação eleitoral determina que a divulgação da propaganda termine a dois dias da eleição, marcada para domingo (26). Portanto, hoje é o último dia da propaganda eleitoral gratuita do segundo turno das eleições municipais no rádio e na televisão. Até amanhã, os candidatos poderão realizar caminhada e carreta, além de usar alto-falantes e distribuir material de propaganda.
Hoje, as 22h, a InterTV Planície, afiliada a Rede Globo, realiza o último debate entre os candidatos Rosinha Garotinho (PMDB) e Arnaldo Vianna (PDT). O debate é visto por muitos como uma ótima oportunidade de apresentação de propostas, embora o último realizado pela Tv Record Campos, a troca de farpas e a ironia, ou que se pensou ser, consumiu parte do tempo do programa.
A grande expectativa do debate da InterTV está exatamente na desenvoltura do candidato do PDT, principalmente se será capaz de reverter as possíveis investidas de Rosinha, sobre a decisão do TRE do Rio. O Tribunal divulgou um novo indeferimento registro do pedetista, por ele integrar listas dos tribunais de contas da União (TCU) e do estado (TCE)de políticos com nomes sujos por má gestão administrativa.

Áudio da Coletiva

O Blog conseguiu um áudio da coletiva de imprensa do candidato Arnaldo Vianna (PDT), ouçam e tiram suas próprias conclusões.

video

Agências da Caixa Econômica voltam a funcionar em Campos

As agências da CAIXA na região Norte/Noroeste Fluminense estão em pleno funcionamento hoje (24). Todas as unidades reforçaram sua equipe de atendimento e de orientação ao público. De acordo com a Assessoria de Imprensa do banco, em 3 dias úteis todo atendimento esteja normalizado.

TRE do Rio afirma que continua valendo as mesmas regras do primeiro turno das eleições

Há dois dias para o segundo turno já começou a contagem regressiva nos municípios do estado do Rio que escolherão quem vai ocupar a prefeitura pelos próximos quatro anos: além de Campos dos Goytacazes, a capital do estado Rio de Janeiro, e Petrópolis, entram nessa lista.
Segundo o TRE do Rio, continuam valendo as mesmas regras do primeiro turno das eleições, entre elas, a proibição de celulares ou qualquer aparelho que possa registrar o voto do eleitor nas cabines de votação.

Arnaldo Vianna promove coletiva de imprensa as 10h

O deputado federal e candidato Arnaldo Vianna (PDT), realizará daqui a pouco, às 10h, na sede do PDT, coletiva de imprensa sobre a decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. O TRE manteve ontem o indeferimento do registro de sua candidatura a prefeito de Campos. Apesar da decisão, o segundo turno em Campos está mantido no domingo.

TRE mantém impugnação, mas recurso ao TSE garante a Arnaldo Vianna direito de disputar 2º turno

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) manteve ontem o indeferimento do registro da candidatura a prefeito de Campos, do deputado federal Arnaldo Vianna (PDT). Por unanimidade, a Corte manteve decisão anterior, que havia acatado sentença da juíza Márcia Alves Succi, da 100ª Zona Eleitoral, de Campos, indeferindo registro do pedetista por ele integrar listas dos tribunais de contas da União (TCU) e do estado (TCE), de políticos com nomes sujos por má gestão administrativa.
Apesar da decisão, o segundo turno em Campos está mantido no domingo. Os votos recebidos por Vianna serão considerados válidos até julgamento final do processo pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). As urnas eletrônicas foram programadas para computar os votos recebidos pelo pedetista.

Matéria de O Dia: Prefeito de Macaé pode ser cassado

Recém-reeleito, o prefeito de Macaé, Riverton Mussi (PMDB), corre o risco de perder o mandato. Ele, o ex-prefeito e deputado federal Sylvio Lopes (PSDB), o vereador Luiz Fernando Pessanha (PMDB) e mais 10 pessoas são acusadas pelo Ministério Público Federal (MPF) de improbidade administrativa por fraude em licitações para compra de merenda escolar.
A Vara Federal de Macaé decretou a indisponibilidade dos bens do grupo no valor de R$ 1,5 milhão. Mussi tem 5 dias para apresentar cópia de 21 contratos sob pena de ser afastado temporariamente do cargo. Segundo o MPF os contratos com o mini-mercado Vieira e Pessanha eram incompatível com seu porte.
Mais informações clique aqui.